Costa da Lagoa – um passeio pela locação do filme A Antropóloga.

Padrão

Este slideshow necessita de JavaScript.

O filme, conta a história de Malu, na Costa da Lagoa – reduto da cultura açoriana – e de sua pesquisa para o doutorado e do seu encontro com o universo “místico” da Ilha de Santa Catarina. O resto desta história você vai conferir nos cinemas.

Aqui no Floripa Cool!! Você vê algumas fotos da trilha que fizemos do Canto dos Araçás até o ponto 17 na Costa da Lagoa. Embalados pelo roteiro do filme, a gente resolveu fazer uma caminhada e registrar imagens para o nosso roteiro pela cidade. A caminhada é tranqüila, exige pouco esforço, mas o caminho é longo, com pequenas subidas, caminho entre pedras, alguns pontos com mata fechada e outros bastante pitorescos.

Do começo ao fim, as imagens impressionam.
Pra variar a gente fez um monte de foto e você confere aqui.

Outra opção bacana é ir de barco, a gente optou por esta opção na volta, o embarque é feito em dois pontos, no píer da Lagoa da Conceição e no Rio Vermelho, a tarifa varia entre R$ 3,50 a R$ 5,00, dependendo do local do embarque. Ao longo deste trajeto, existem diversos pontos de embarques que servem aos moradores e aos visitantes. Vale conferir, a caminhada e o passeio de barco.

A trilha é bem sinalizada, você se depara com a exuberante Lagoa da Conceição, que é bem maior do que realmente parece. Em alguns momentos, você fica totalmente imerso na mata, encontra uma ou outra pessoa pelo caminho, vez ou outra uma propriedade e algumas construções bem antigas do tempo da colonização portuguesa no Brasil, como o engenho de farinha, o casarão da dona Loquinha e outras ruínas.

O mais inusitado aconteceu bem próximo do final da trilha. Duas gurias discutiam o nome do jardineiro, do filme Senhor dos Anéis. A gente ajudou, ligamos para um amigo e ele prontamente nos disse o nome da personagem do tal jardineiro. Pouco mais a frente, encontramos o vilarejo, até finalmente chegar ao destino final.

Por lá, restaurantes, boa comida, pastelzinho de camarão, cerveja gelada, gente bonita, artesanato, vendedores de doces e o descanso merecido depois de tanto andar. Então, borá lá. Ou direto pro cinema, ver A Antropóloga. Valeu

Por Marcelo Ferraro/Oceano Azul Social Research

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s