Ten Chi do Balé Pina Bausch

Padrão

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Tanztheater Wuppertal Pina Bausch, companhia de dança fundada por pela coreógrafa, desembarcou esta semana em São Paulo para encenar o espetáculo “Ten Chi” (Céu e Terra) inspirado no Japão e criado na época em que ela morou no país, em 2004. O trabalho de Pina Bausch tem sido, por décadas, um dos bens culturais mais exportados pela Alemanha. Mesmo após a morte da coreógrafa (em junho 2009) a companhia Pina Bausch Tanztheater Wuppertal está em plena atividade e os fundamentos de seu trabalho continuam rendendo frutos . Em sua quinta participação nas Temporadas de Dança do Teatro Alfa, a companhia apresenta um espetáculo que muitos consideram como o melhor trabalho de Bausch até hoje, o poético Ten Chi. É o último de uma série que pode ser chamada de relatos de viagem coreografados – obras fortemente influenciadas e inspiradas pela localização geográfica de sua criação. Num cenário, que prefiro chamar de “espaço cênico” (Peter Pabst), decorado com flores de sakura e uma cauda de baleia gigante, servem de suporte para que os habilidosos bailarinos da Tanztheater Wuppertal explorem com simpatia e humor os sons, sinais, alegrias e paradoxos da cultura japonesa moderna. A própria Pina Bausch costumava dizer que a vida é supercomplicada, e que o palco não podia então ser uma coisa simples. Os figurinos são de alemã Marion Cito, que conferem sensualidade e balanço, visto nos longos e coloridos vestidos.

Por Alexandre D’Angelli/ Manga Cenográfica Blog

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s